FIV com óvulos doados: tudo sobre este processo

A FIV com óvulos doados é uma técnica de reprodução assistida que tem ganhado atenção e relevância. Este método consiste na fertilização in vitro, utilizando óvulos doados por outra mulher. Ideal para pessoas que enfrentam desafios na concepção, essa técnica representa uma esperança renovada de realizar o sonho de ter filhos.

A doação de óvulos é um processo cuidadosamente regulado e eticamente conduzido. No WeBank, entendemos a importância deste ato e asseguramos um procedimento seguro e confiável tanto para doadoras quanto para receptoras. A escolha de uma doadora é feita com atenção a vários fatores, incluindo características fenotípicas e genéticas, para garantir a maior compatibilidade possível.

Relação entre a FIV e a doação de óvulos

A relação entre a FIV e a doação de óvulos é fundamental no campo da medicina reprodutiva. Como aponta a Dra. Andrea Petruzzi, “a FIV com óvulos do banco é necessária quando a paciente tem diagnóstico de falha ovariana, idade materna avançada ou repetidas falhas de FIV com seus próprios óvulos”. Este procedimento é uma alternativa viável para muitos casais e indivíduos que enfrentam desafios na concepção.

Além disso, a eficácia da FIV com óvulos doados é significativa. Segundo a Dra. Petruzzi, “a taxa de gravidez com FIV utilizando óvulos do banco é de mais de 50% em cada transferência”. Este dado ressalta a relevância do procedimento e a importância de um banco de óvulos especializado como o WeBank.

No WeBank, o processo de doação, recepção e conservação de óvulos é realizado com o máximo cuidado, seguindo rigorosos padrões éticos e legais das normas estabelecidas pela Resolução da Diretoria Colegiada  N°23 da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). De acordo com o nosso enquadramento jurídico, as doadoras e receptoras são cuidadosamente selecionadas para garantir o sucesso do procedimento e a segurança de todos os envolvidos.

Quem está indicada para receber os óvulos?

As candidatas ideais para receber óvulos doados, conforme esclarece a Dra. Petruzzi, são aquelas com “diagnóstico de falha ovariana precoce ou idade avançada que desejam realizar um tratamento de alta complexidade para seu desejo reprodutivo”. No WeBank, entendemos a importância de alinhar as expectativas das receptoras com as possibilidades oferecidas pela FIV com óvulos doados.

O processo de seleção no WeBank é detalhado e inclui uma avaliação abrangente da saúde reprodutiva da receptora. Garantimos que cada caso seja tratado com a atenção e o cuidado que merece, maximizando as chances de um resultado positivo.

Quem está apta a ser uma doadora de óvulos?

A seleção de doadoras de óvulos segue critérios rigorosos para garantir a segurança e a eficácia do processo. Segundo a Dra. Petruzzi, as doadoras ideais devem ser “maiores de idade e até 30 anos, saudáveis, não portadoras de doenças genéticas dominantes, e sem certas doenças prevalentes na sociedade”. Além disso, são realizados exames para detectar doenças infecciosas e genéticas.

No WeBank, o processo de seleção de doadoras inclui uma avaliação médica completa, física e psicológica, garantindo que apenas óvulos de alta qualidade sejam utilizados e que a doadora esteja em condições de se submeter ao processo. Este cuidado assegura a integridade do tratamento, o cuidado com a doadora e a confiança das receptoras nos óvulos recebidos.

Óvulo doado: de quem é o DNA?

A Dra. Petruzzi esclarece que, em um procedimento de FIV com óvulos doados, “o DNA do ovócito é da paciente doadora”, embora “o ADN do espermatozóide é do marido da receptora em caso que o fator masculino esteja apto”. Esta informação é crucial para entender a origem genética da criança.

As receptoras têm acesso a informações detalhadas sobre as características das doadoras, mas suas identidades permanecem anônimas, garantindo transparência e confiança no processo. Além disso, a escolha da doadora leva em conta características físicas e genéticas para assegurar a maior semelhança possível com a receptora. Este cuidado é parte do nosso compromisso em proporcionar uma experiência personalizada e respeitosa para todos os envolvidos.

FIV com óvulos doados

A Fertilização In Vitro (FIV) com óvulos doados é um processo que abre novos caminhos para muitos que sonham com a parentalidade. A Dra. Andrea Petruzzi explica que esse método envolve a utilização de óvulos doados, que são fertilizados em laboratório e, posteriormente, os embriões resultantes são transferidos para o útero da receptora.

No WeBank, como um banco de óvulos especializado, compreendemos a importância de fornecer óvulos de alta qualidade para procedimentos de FIV. Por isso trabalhamos em conjunto com especialistas de várias áreas para garantir que os óvulos doados sejam de excelência, maximizando as chances de sucesso do procedimento.

Encontrar doadora de óvulos

O primeiro passo crucial na FIV com óvulos doados é a escolha da doadora. No WeBank, as doadoras são selecionadas com base em critérios rigorosos de saúde e qualidade genética. A Dra. Petruzzi ressalta a importância de selecionar doadoras saudáveis, não portadoras de doenças genéticas dominantes ou de certas doenças prevalentes. Este cuidado assegura a qualidade e a compatibilidade dos óvulos doados.

Além disso, no processo de seleção, é dada atenção especial ao histórico médico e as características físicas das doadoras. Este nível de detalhe e atenção garante que as receptoras recebam óvulos que ofereçam as melhores chances de sucesso na FIV.

Fertilização do óvulo

Após a seleção dos óvulos doados, segue-se o processo de fertilização do óvulo. Conforme descrito pela Dra. Petruzzi, a fertilização pode ser realizada através de FIV ou ICSI, dependendo do fator masculino e das condições do laboratório. Durante este estágio, os óvulos são inseminados com espermatozóides, dando início ao desenvolvimento embrionário.

A especialista enfatiza que, após a fertilização, os embriões são cultivados até o quinto dia, quando são avaliados no estágio de blastocisto. Esta avaliação é crucial para determinar a qualidade dos embriões e selecionar os mais adequados para a transferência.

Confirmação da fecundação

A confirmação da fecundação é uma fase crucial na FIV com óvulos doados. Após a fertilização e o cultivo dos embriões, os especialistas avaliam os embriões para selecionar os mais saudáveis e viáveis. A Dra. Petruzzi explica que, nesta etapa, é feita uma classificação dos embriões, considerando sua morfologia e qualidade.

Essa seleção criteriosa é fundamental para garantir que apenas os embriões com maior potencial de implantação sejam transferidos, aumentando assim as chances de uma gravidez bem-sucedida e saudável.

Transferência de embriões

A transferência dos embriões selecionados é a etapa final do processo de FIV com óvulos doados. A Dra. Petruzzi esclarece que a receptora passa por uma preparação endometrial, que pode ser em ciclo natural ou artificial, visando otimizar as condições para a implantação do embrião. A transferência é cuidadosamente planejada e realizada com precisão para maximizar as chances de sucesso. Logo, inicia-se um período de monitoramento para confirmar a gravidez.

A FIV com óvulos doados não apenas abre portas para novas possibilidades de parentalidade, mas também reafirma o compromisso do WeBank em fornecer soluções de fertilidade éticas, seguras e eficazes, alinhando tecnologia de ponta com um atendimento personalizado e atencioso.

Dra. Carolina Bouteiller

Medicina Reproductiva
Pesquisar